O Ceará foi um dos primeiros estados a adotar medidas práticas para incentivar o isolamento social dos habitantes. O governo cearense anuncia medidas diariamente. E com o chefe do Executivo Camilo Santana à frente das ações, o Grupo Cidade de Comunicação resolveu aprofundar alguns questionamentos e tirar dúvidas que pairam na cabeça das pessoas.

Camilo afirmou que, dependendo da evolução dos casos, a quarentena pode ser prorrogada. Outra medida anunciada trata sobre a concentração de pacientes graves, que necessitem de tratamento em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e respiradores. Eles serão encaminhados ao Hospital Leonardo da Vinci, no Centro de Fortaleza.


Fonte: Jornal dos Municípios

Postado por: Radialista Sergio Adriano / Web Radio Jaguar

 

Deixe seu Comentário